sábado, 30 de abril de 2011

Desculpa


Eu sei que sou uma parva, mas desculpas-me?!
Poderia escrever um livro de 600 páginas sobre ti, mas além de nunca conseguir expressar tudo o que me fazes sentir, depois para ver se estava bem escrito, teria de ler o livro e eu não gosto muito de ler, e 600 páginas é um bocadinho, por isso resolvi tentar resumir :)
Queria pedir-te desculpa pelo que fiz, às vezes sou a pessoa mais parva do mundo, mas a sério que não foi por mal, foi apenas porque…
Tu para mim não és só o MEU namorado,  mas também um grande amigo.  @
Quando apareceste, a minha vida ganhou outro sentido, tu és ÚNICO! Não namoro contigo para dizer que tenho namorado, mas sim por que te amo. ♥♥
És diferente de todos os outros, completamente diferente! Não é só por seres o MEU namorado, mas sim porque é a mais pura das verdades! Contigo tudo faz sentido… Quando “discutimos” ninguém me consegue ajudar… E quando pedes desculpa (apesar de não o teres que fazer!) ainda te acho mais especial, porque te AMO  e tu mereces qualquer coisa neste mundo, e porque eu de perfeita não tenho rigorosamente nada! E também sei perfeitamente que às vezes sou muito parva (eu sei…!) mas não é por mal, ainda não sei muito bem como lidar contigo, desculpa-me amor. @
Às vezes quando não sei lidar muito bem com situação fico parva, mas também não existem pessoas perfeitas, não é?! Tirando tu, claro! Que és PERFEITO! Mas tu és uma excepção… Porque és simplesmente ÚNICO!
Quando falamos por telemóvel guardo cada momento na memória, para nunca me esquecer de ti, apesar de ser impossível esquecer-me de ti! Compreendes-me, desculpas-me (apesar de por vezes ser a mais parva do mundo! :s) e ainda por cima fazes-me super feliz!   Que posso eu querer mais?!
Cruzaste-te no meu caminho e passaste a ser o MEU príncipe. Sabes uma coisa? Acho que encontrei a pessoa certa, e essa pessoa és tu! J Onde quer que vás, faças o que fizeres, digas o que disseres, aconteça o que acontecer, gostarei de ti PARA SEMPRE!
És o MEU NAMORADOOO *.* e eu AMO-TE, sim?! Desculpa! 

3 comentários:

  1. Simplesmente lindooo!
    O amor é espectacular... :D

    ResponderEliminar
  2. Que texto tão fofinho *.*
    Tens imenso jeitinho para estas cenas, continua! :p

    ResponderEliminar
  3. Ah, que legal o seu blog. Gostei muito de como você escreve, é bastante atraente para quem lê. Parabéns. Bom, te convido a visitar o meu POET (Pages Of Erased Text) http://pagesoferasedtext.blogspot.com/. De lá você pode ir ao “Illegitimate” novel. Espero que goste. Parabéns pelo blog. Cuide-se.

    ResponderEliminar